Publicações

Nov/2016

A expansão da soja no Cerrado

Autores

O Cerrado brasileiro, por sua posição geográfica e características ecológicas, tem importância fundamental para a sociedade brasileira e a agricultura que se desenvolve no seu entorno. Seu efeito “caixa d’água”, como mantenedor de grandes reservatórios hídricos, sua biodiversidade e sociodiversidade fazem do bioma um ambiente único no contexto da América do Sul. Será no Cerrado, por sua aptidão para receber a agricultura moderna e sua capacidade para alimentar o mundo, onde os grandes desafios deverão se manifestar nas próximas décadas.

A melhor forma para enfrentar o desafio de conciliar a crescente pressão sobre o aumento da produção de alimentos com medidas de conservação ambiental no Cerrado é aportar o melhor conhecimento científico disponível e trazê-lo para a mesa de debate.

É neste contexto que a Agroicone promove o estudo “Análise Geoespacial da Dinâmica das Culturas Anuais do Bioma Cerrado – 2000 a 2014”, realizado pelos pesquisadores Bernardo Rudorff e Joel Risso, da Agrosatélite, e cujas principais conclusões estão sintetizadas neste documento.

A análise levantou dados georreferenciados sobre o bioma, permitindo entender a dinâmica de ocupação agrícola e uso do solo entre 2000 e 2014, período de grande avanço da produção agrícola na região, com destaque para a soja. Os pesquisadores apresentam uma visão inédita da região, estratégica para a expansão do agronegócio nacional, assim como para os desafios da conservação. É no Cerrado que se encontra o maior estoque de terras aptas para a agricultura hoje. Trata-se de um olhar o mais completo possível, que enxerga soluções capazes de orientar a agricultura para as áreas aptas ainda disponíveis, comparando as melhores oportunidades em termos de solo e clima, sobretudo para a soja. Com menor foco, o trabalho também mapeia as áreas de expansão das culturas de milho e algodão.

Uma das principais sinalizações do estudo é mostrar a oportunidade para o agronegócio expandir a produção de soja para áreas que já foram ocupadas por pastagens, sem a necessidade de novos desmatamentos. Nos últimos dez anos, a dinâmica de expansão da agricultura sobre o Cerrado foi feita, essencialmente, sobre áreas já antropizadas (74%), ou seja, que foram transformadas pela ação do homem. Em todo o bioma, ao menos 33,4 milhões de hectares de áreas antropizadas teriam hoje condições de se converter em agricultura de grãos. Iniciativas de intensificação sustentável da pecuária no Cerrado são extremamente relevantes e estratégicas para acomodar os novos desafios territoriais, sem prejuízo dos remanescentes de vegetação. As fronteiras agrícolas consolidadas têm demonstrado que este processo já está em curso e com grande potencial para promover a transição pecuária-soja sobre áreas de pastagem.

Na última década, mais da metade da expansão agrícola no Cerrado se deu sobre áreas de pastagem, exceção feita à região do Matopiba (confluência dos estados do Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia) que, por não dispor de áreas antropizadas com aptidão para a agricultura, teve a maioria da expansão sobre áreas de vegetação nativa.

Para esta publicação, a Agroicone identificou a aptidão agrícola nas pastagens, a partir do cruzamento de dados, para sinalizar os caminhos para a ocupação do Cerrado. A análise indica ainda as áreas de Cerrado com vegetação nativa onde não há aptidão para o plantio, mas que podem muito bem servir para a compensação florestal ou para a conservação em áreas privadas para o cumprimento do novo Código Florestal.

O trabalho realizado pela Agrosatélite, espécie de zoneamento da produção, pode, da mesma forma, ser uma excelente ferramenta para o planejamento da conservação, sem entrar em choque com os interesses territoriais da agricultura no Cerrado.

A contribuição da Agroicone com esta publicação consiste em dar visibilidade para o bioma, disseminando e traduzindo informação qualificada, como forma de enriquecer as estratégias que definirão os contornos da agricultura sustentável no Brasil e no Cerrado.

Publicações relacionadas

Projetos relacionados

Financiamento para Pesquisa em Crédito Rural

Climate Policy Initiative

Legislação florestal comparada

Climate Policy Initiative

Uso da madeira na geração de eletricidade no Brasil

Agroicone

Código Florestal: Desafios para a regularização ambiental

Climate Policy Initiative

Eletrificação, produtividade agrícola e desmatamento no Brasil

Climate Policy Initiative

Impactos locais gerados por usinas hidrelétricas

Climate Policy Initiative

Crédito Rural no Brasil

Climate Policy Initiative

Infraestrutura de transportes e produtividade agrícola

Climate Policy Initiative

Oportunidades florestais nas cadeias do agronegócio

Agroicone

Modelos climáticos e hidrológicos e restauração florestal

Agroicone

Radiografia de pastagens degradadas

Agroicone

Mapeamento de uso e cobertura do solo

Agroicone

Cenários de otimização da adequação ambiental

Agroicone

Instrumentos para implantação do Cadastro Ambiental Rural

Agroicone

Florestas energéticas na geração de bioenergia

Agroicone

Sistema de análise multitemporal da vegetação – SATVeg

Agroicone

Instrumentos de planejamento das paisagens agrícolas sustentáveis

Agroicone

Código Florestal, carbono e mitigação de gases do efeito estufa

Agroicone

Análise de compensação de Reserva Legal e Cota de Reserva Ambiental

Agroicone

Código Florestal em Números

Agroicone

Notícias relacionadas

out.2017

Brasil possui uma das legislações florestais mais rígidas entre países exportadores agropecuários, mostra novo estudo

Estudo compara a legislação de proteção florestal brasileira com as de sete dos maiores países exportadores de produtos agropecuários, e investiga o que significa estar em conformidade com o novo Código Florestal.

maio.2017

Guia apresenta plantas importantes para a regeneração natural do Cerrado e da Mata Atlântica

Publicação apresenta 102 espécies nativas que são típicas dos biomas. Técnica da regeneração natural para restauração de paisagens deverá ser amplamente adotada para cumprimento do Código Florestal

abr.2017

Analista do CPI discute conversão de multas ambientais e legislação comparada na SRB

Joana Chiavari apresentará dois trabalhos ao Comitê de Sustentabilidade

abr.2017

Falta de regulamentação impede que conversão de multas em serviços ambientais seja adotada no Brasil

Em nova publicação, analistas do CPI propõem ajustes na legislação para que mecanismo possa ser utilizado

fev.2017

Cerrado possui ainda 15,5 milhões de hectares de pastagens altamente aptas para agricultura

Para orientar o planejamento do uso da terra e a expansão da soja no bioma, análise da Agroicone, pelo projeto INPUT, aponta as áreas de pastagens com aptidão agrícola e as áreas não aptas para produção

dez.2016

Intensificação da pecuária é fundamental para a expansão da agropecuária

Publicação da Agroicone sinaliza que a intensificação da atividade é economicamente viável e contribui para redução do desmatamento e implementação do Código Florestal

nov.2016

Agroicone: Nota de esclarecimento sobre a reportagem “Matopiba está perto do limite, diz estudo” (21/11), do Valor Econômico

Agroicone apresenta esclarecimentos sobre a matéria “Matopiba está perto do limite, diz estudo”, publicada pelo jornal Valor Econômico

ago.2016

Expansão agrícola no Matopiba faz prosperar economia local em municípios do Cerrado

Em nova publicação, Climate Policy Initiative/PUC-Rio indica que intensificação da agricultura nessas localidades gerou aumento de 37% no PIB agrícola per capita

ago.2016

Analistas do CPI assinam capítulo de livro sobre o Código Florestal

Publicação, lançada pelo Ipea, visa debater desafios e oportunidades da nova lei florestal no contexto da conservação e produção agrícola

jul.2016

Agroicone lança guia sobre PRAs

Publicação busca orientar produtores rurais e governos para impulsionar o processo de regulamentação dos Programas de Regularização Ambiental (PRAs) nos estados brasileiros

jul.2016

Novo estudo: Climate Policy Initiative analisa ineficiências na infraestrutura de transporte no Brasil

Documento sugere melhorias no setor de rodovias, ferrovias e portos para aumentar a produtividade agrícola no país

mar.2016

Climate Policy Initiative analisa resolução sobre PRA de São Paulo

A resolução conjunta traz avanços procedimentais, mas algumas questões não foram plenamente resolvidas e podem gerar insegurança jurídica

nov.2015

Climate Policy Initiative lança estudo sobre o Código Florestal brasileiro

O documento vai analisar as complexidades do código, com o objetivo de acelerar sua implementação e promover o uso eficiente da terra

nov.2015

Climate Policy Initiative e Agroicone lançam novo website, INPUT

O Climate Policy Initiative e a Agroicone lançam hoje o novo website do INPUT – Iniciativa para o Uso da Terra (www.inputbrasil.org)